Igarapé do Meio, posse de suplente de vereador deve ocorrer em sessão extraordinária

O impasse na Câmara Municipal de Igarapé do Meio continua, já que ainda falta tomar posse um dos suplentes de vereador, José do Carmo (Professor Zezé), o que deve ocorrer em sessão extraordinária, pois a Caa Parlamentar já entrou em recesso. O outro suplente, Dimas de Souza de Lima, já tomou posse e se tornou vereador titular. Os dois ocupam as vagas deixadas pelas vereadoras, Odeanna Layser Melo e Rozenilde Vieira, que tiveram os mandatos extintos por se ausentarem, sem justificativas, de mais de um terço das sessões legislativas.

A ausência das parlamentares foi comprovada em mais de 10 sessões plenárias, sendo que a Câmara teve apenas 24 sessões durante o ano de 2018. A denúncia de faltas sucessivas foi acolhida pelo Presidente da Câmara Municipal, José Benedito Mendes Santos, com base no Decreto-lei 201/67, na Lei Orgânica do Município e no regimento interno da Casa Parlamentar.

O advogado especialista em direito eleitoral, Carlos Sérgio, ressaltou que a decisão tomada pela presidência da Casa Parlamentar foi a mais correta ao final do ano Legislativo, e afirmou que ainda existe possibilidade das vereadoras recorrerem.

A extinção dos mandatos provocou revolta em outros vereadores, como Givanildo de Freitas e Djair Pereira Viana, que agora devem responder por ameaças e destruição de patrimônio público. Já que na segunda-feira (17) durante sessão na Câmara municipal de Igarapé do Meio provocaram tumulto.

Os vereadores estão sendo acusados de terem quebrado a porta de acesso ao gabinete do presidente da casa, de terem ameaçado outros vereadores e destruído livros oficiais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *