Cooperação do Nordeste em pauta no Maranhão

Nesta quinta-feira (14) os nove governadores dos estados nordestinos têm encontro marcado em São Luís para a assinatura de um protocolo que cria o Consórcio Nordeste, iniciativa histórica e arrojada dos dirigentes da região autorizando a gestão associada de serviços públicos, bem como a transferência total ou parcial de encargos, serviços e pessoal.

O pacto será selado no Palácio dos Leões, durante o Fórum dos Governadores do Nordeste. Na prática, com o consórcio poderão ser feitas compras compartilhadas entre os estados, além do intercâmbio de tecnologias de gestão e a integração de quadros profissionais em áreas como a saúde, educação e segurança pública.

A partir da aliança, um estado que precise, por exemplo, de ambulâncias, poderá contar com a ajuda de um estado associado com mais agilidade e menos burocracia em um momento de crise.

“O objetivo é dar mais musculatura à atuação dos Estados do Nordeste”, disse o procurador-geral do Maranhão, Rodrigo Maia, em entrevista à revista Veja.

A fusão de esforços tem como mote principal a redução de gastos em meio a dificuldades financeiras junto à União. Em editorial, o Jornal do Comércio, de Pernambuco, chamou o consórcio de “Uma epopeia nordestina”, afirmando que “não será nada surpreendente que se dessa união ganhar forma e se configurar uma nova figura política poderosa, acima de cada um dos Estados e a serviço de todos eles”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *