A um dia das eleições, Márcio Jerry mostra força política em São Luís e no interior

Faltando apenas um dia para as eleições, o candidato a deputado federal, Márcio Jerry, intensificou ainda mais o ritmo da mobilização, consolidando a tendência de crescimento que vem mostrando desde o início da campanha.

Na noite de sexta-feira (5) , Márcio Jerry participou de uma motocada em Codó. O evento foi organizado com o apoio do prefeito de Codó, Francisco Nagib, que apoia a candidatura de Márcio Jerry, e em dobradinha com o candidato a deputado estadual Zito Rolim. O evento foi considerado a maior motocada já realizada na cidade.

“A nossa cidade está órfã de deputados federais. Precisamos de alguém que nos represente na Câmara e nos ajude a co seguir ainda mais melhorias para nossa cidade. Por isso estamos com o Márcio Jerry, alguém que já fez e vai continuar a fazer muito mais por Codó”, afirmou o prefeito Francisco Nagib.

SÃO LUÍS

Em São Luís, na manhã desde sábado (6) Márcio Jerry integrou a caravana liderada pelo governador Flávio Dino, que arrastou uma multidão pelos bairros da Vila Palmeira e Coroadinho.

Na Vila Palmeira, o evento contou com a participação do presidente da Câmara de Vereadores de São Luís, o vereador Astro de Ogum, também aliado de Márcio Jerry e Flávio Dino. “São Luís e todo o Maranhão vão ter um deputado atuante em Brasília. Apoio o Márcio porque ele é um candidato diferente. Quem queria votar no Astro nessa eleição, pode votar no Márcio”, já havia afirmado o vereador.

Para Márcio Jerry, o crescimento da sua campanha é fruto da mobilização e do apoio de lideranças e militantes, além do do fato de ser pautada no debate de ideias. “O maior patrimônio que tenho para oferecer aos meus eleitores é uma biografia limpa. Temos feito uma campanha de debate de ideias, buscando fortalecer no Maranhão o projeto de desenvolvimento liderado pelo governador Flávio Dino. A nossa campanha não é a das grandes estruturas, mas sim a da força das lutas e da militância de uma vida inteira”, disse ele.

Ainda no sábado, a agenda de campanha inclui caminhadas no bairro da Vila Esperança, em São Luís, organizada com o apoio do vereador Astro de Ogum; e no município de Barra do Corda.

Polícia Federal recebe denúncia contra fakenews do grupo Sarney

A denúncia foi protocolada na manhã deste sábado (06) na superintendência da Polícia Federal do Maranhão pelos advogados da coligação “Todos Pelo Maranhão” para proibir continuidade de divulgação de Fake News pelo grupo Sarney.

A falsa notícia sobre inelegibilidade de Flávio Dino tem sido amplamente divulgada nas Rádios e TVs ligadas ao grupo Sarney. A intenção da oposição é aproveitar os últimos minutos para tentar diminuir a grande vantagem de Flavio Dino, que, segundo as pesquisas de intenções de votos, vence as eleições logo no primeiro turno.

Existe uma decisão da justiça eleitoral favorável à Dino sobre o fakenews de inelegibilidade, “as informações divulgadas durante o programa de rádio são falsas porque as decisões de primeiro grau, para gerar efeitos, necessitam de confirmação em segundo grau”, destaca a decisão.

Se for desrespeitada a decisão, a multa é de R$ 100 mil.

O grupo também vislumbra a possibilidade de perder a hegemonia no Senado. Os últimos levantamentos sobre intenções de votos apontam, também, vitória dos dois candidatos ao Senado do grupo Dino, Weverton e Eliziane.

Com esta denúncia, a Polícia Federal deve acompanhar de perto até amanhã as atuações que tentam confundir o eleitorado maranhense.

Novo espaço de lazer é entregue na Ilhinha, em São Luís

Foi inaugurado na noite de sexta-feira (05) o novo espaço de lazer localizado na Avenida Ferreira Gullar, em São Luís. O local, ideal para a realização de atividades esportivas e convivência social foi reformado em parceria entre a Agência Executiva Metropolitana (AGEM) e a Prefeitura de São Luís.

A área recebeu projeto paisagístico, iluminação e acessibilidade. Além da urbanização do lugar, que servia para o descarte irregular de lixo, os moradores da região ganharam quadra poliesportiva e uma praça para desfrutar de momentos de lazer coletivo e de manifestações culturais.

A revitalização do Canteiro da Avenida Ferreira Gullar, próximo ao cruzamento com a Avenida Ana Jansen, era uma antiga reivindicação dos moradores de bairros como Ilhinha, Morros e conjunto Ana Jansen. O local foi totalmente revitalizado passando a apresentar aspecto urbanístico mais atraente.

“Ao longo da nossa gestão, vários espaços já foram transformados. Estamos aqui, ao lado da comunidade da Ilhinha, entregando mais um destes locais, resultado da parceria entre a Agência Metropolitana e a Prefeitura. São lugares que transformam a realidade das pessoas. Em espaços como esse, podemos observar o antes e o depois. Agora, as famílias daqui têm um lugar para se divertir. É mais um equipamento para a cidade de São Luís”, disse o prefeito Edivaldo que, acompanhado pela primeira-dama, Camila Holanda, foi recebido com festa pelos moradores.

Também acompanharam a entrega o presidente da AGEM Lívio Corrêa, os secretários municipais Fátima Ribeiro (Segurança Alimentar), José Cursino (Planejamento), Nonato Chocolate (Semapa) e Ivaldo Rodrigues (Articulação Política).

O vice-presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho, destacou que esse projeto é uma demanda antiga dos moradores. “Isso aqui era um sonho. Passei a sonhar junto para que tivéssemos esse sonho materializado”, disse o vice-presidente.

O canteiro da Avenida Ferreira Gullar contempla uma quadra poliesportiva, palco para atividades culturais, jardins, calçamento, passeio público, bancos, estacionamento, áreas para atividades ao ar livre e rampas para acessibilidade de pessoas com deficiência. O projeto ocupa uma área total de 4.902 m².

A quadra esportiva foi comemorada pelos desportistas das comunidades próximas e pelos praticantes de atividades físicas de outras localidades. “Ficou lindo, lindo, lindo. Todo dia passava aqui e via tudo cheio de água e lixo. Estou muito feliz, por todo mundo, principalmente pelas crianças”, afirmou a aposentada Filomena de Souza Fonseca, moradora do São Francisco.

Pesquisa Exata/Jornal Pequeno confirma vitória de Flávio Dino no 1º turno

O Jornal Pequeno divulgou neste sábado (06) sua última pesquisa feita pelo instituto Exata e o resultado reverbera os resultados dos outros levantamentos feitos nestas eleições. Flávio Dino (PCdoB) vence no primeiro turno e Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS) são eleitos para as duas vagas do Senado, segundo a pesquisa.

O levantamento da Exata mostra o candidato à reeleição com 62% das intenções de votos válidos, mais que o dobro de Roseana Sarney (MDB), que aparece com 29%. Em seguida, vêm Maura Jorge (6%) e Roberto Rocha (3%). Odívio Neto e Ramon Zapata não pontuaram.

O Instituto Exata também fez levantamento sobre a disputa ao Senado e mostra que os dois candidatos da chapa de Flávio Dino ampliaram a vantagem sobre os demais concorrentes e lideram com folga. Eles têm mais de dez pontos de diferença sobre os candidatos que aparecem em terceiro e quarto lugares.

Weverton cresceu de 31% para 36% de intenções de votos totais. Eliziane subiu de 28% para 33%. Edison Lobão (MDB) foi de 26% para 24%. Sarney Filhou (PV) passou de 23% para 21%.

Depois aparecem Zé Reinaldo (14%); Alexandre Almeida (10%); Samuel Campelo (2%) e Preta Lú (2%). Saulo Pinto e Saulo Arcangeli têm 1% cada. Iêgo Brunno não pontuou. Votos brancos e nulos somam 30%. Indecisos são 26%.

A pesquisa Exata/JP ouviu 1.400 pessoas entre os dias 2 e 4 de outubro. A margem de erro é de 3,3 pontos para mais ou para menos. O registro da pesquisa no TSE é o MA-07634/18.

Colinas realiza um dos maiores atos da campanha em favor de Flávio Dino e Márcio Jerry

Em um dos maiores eventos da campanha até o momento, a cidade de Colinas recebeu com festa o candidato a deputado federal Márcio Jerry,o vice-governador Carlos Brandão e a candidata a deputada estadual Cleide Coutinho. Márcio Jerry e Carlos Brandão são naturais do município e, em parceria com Cleide Coutinho, realizaram na cidade uma grande caminhada e um comício.

Carlos Brandão sublinhou a importância da reeleição do governador Flávio Dino, bem como da eleição de Márcio Jerry como deputado federal. “Flávio Dino é o melhor governador do Brasil e precisa ser reeleito para continuar o bom trabalho que vem fazendo pela cidade de Colinas e por todo o estado. É importante também levar o Márcio Jerry para a Câmara Federal: uma pessoa leal, trabalhadora, com uma história de militância e que é daqui do município de Colinas”, declarou o vice-governador.

A caminhada iniciou na praça Henrique Leite, percorreu as ruas do Centro e foi até o bairro Guanabara, onde foi realizado um comício. O evento reuniu uma multidão, entre militantes e apoiadores da candidatura, e contou com a presença da prefeita de Colinas, Valmira Miranda. No município, a candidatura conta ainda com o apoio do ex-prefeito Henrique Brandão e de vários empresários e lideranças locais.

Em discurso à população, Márcio Jerry falou da alegria de realizar o ato político na sua terra natal e destacou a sua trajetória de militância política. “Estar aqui traz muitas lembranças e emoções importantes, de uma vida inteira marcada por luta e compromisso. Agradeço o apoio de cada um que vem contribuindo com esta campanha. Pretendo ser o deputado federal que mais vai trabalhar pela cidade de Colinas, trazendo recursos e contribuindo com o município”, afirmou.

A construção de uma rodovia estadual entre os municípios de São Domingos do Azeitão e Mirador, passando por Colinas; a conclusão das obras do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia (Iema); e um parque ambiental para a cidade são algumas das obras defendidas por Márcio Jerry para o município.

A prefeita Valmira Miranda destacou a importância, para os colinenses, de votar num candidato natural do município. “Nessas eleições, temos a sorte de ter um vice-governador e um candidato a deputado federal que são da nossa terra. Eles já fizeram muito por Colinas e vão continuar a fazer ainda mais, porque conhecem a nossa cidade e têm amor por ela”, disse a prefeita.

CAMINHADA

Márcio Jerry cumpriu agenda de campanha também na capital maranhense. Em São Luís, ele caminhou pelos bairros da Vila Janaína e Vila Riod, pedindo votos e conversando com a população. No início da semana, a caravana da campanha passou também pelos bairros da Vila Embratel e Anjo da Guarda.

Jornalistas analisam quem ganhou ou perdeu no Debate da Globo

A Rede Globo realizou na noite desta quinta-feira (04), o ultimo debate para presidente com os candidatos Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Alvaro Dias (Podemos), Henrique Meirelles (MDB) e Guilherme Boulos (Psol). Jair Bolsonaro (PSL) não compareceu por recomendação médica.

Jornalistas e Colunistas da Gazeta do Povo fizeram uma avaliação da desenvoltura dos presidenciáveis e responderam: Quem ganhou e quem perdeu o Debate na Rede Globo? Confira.

QUEM GANHOU

Madeleine Lascko, Editora do Blog A Protagonista

Ciro Gomes conseguiu se consolidar como candidato alternativo às polarizações, uma via de construção, capaz de agregar. Não entrou em embates pesados com seus adversários e, mesmo quando bateu em Bolsonaro, deu a ele o benefício da dúvida.

Bolsonaro utilizou a estratégia aprendida por Lula a duras penas na campanha de 1989 é utilizada por todos os presidentes vencedores desde então: quanto menos debate, melhor. FHC, Lula e Dilma fugiram de debates como o vampiro da cruz – e hoje ninguém mais se lembra porque estão lá em um ou outro no YouTube. Nos casos em que o candidato, quando calado, é um poeta, menos é mais. Melhor não ser contrariado. Bolsonaro na Record ainda fez surgir mais um vitorioso no debate: Edir Macedo, que celebra cada embate com a Globo.

Meirelles foi muito bem no pito chamando Bolsonaro à responsabilidade, mas trata-se de estratégia de Ciro Gomes, que o colocou no assunto. Haddad foi bem na descompostura que aplicou em Álvaro Dias e Marina ao colocar Haddad na parede e mostrar o PT incapaz de autocrítica. Boulos marcou um golaço para suas bases falando da ditadura quase entre lágrimas, mas sai da campanha sem aumentar a base, o que, imagina-se, era o objetivo inicial da candidatura.

Flávia Pierry, correspondente em Brasília

Ciro: O candidato que está em terceiro lugar nas pesquisas soube aproveitar o que já tem de melhor: o jeito bonachão. Foi o que mais pegou carona nas dobradinhas, com Marina e depois com Meirelles, para bater em Bolsonaro. Ele também foi o que mais criticou o candidato do PSL.

Fernando Martins, do Blog A Protagonista

Ciro Gomes vai bem como o “candidato da terceira via”. É firme em suas colocações e mostra que entende de assuntos variados. Hoje tentou conquistar votos do Nordeste e soube aproveitar da grande abrangência de um debate na TV Globo. Também é verdade dizer que Bolsonaro ganha em não ter vindo ao debate. Para qualquer pessoa isso soaria absurdo, mas não quando o perfil é de Bolsonaro. As pancadas que tomou não farão seu eleitor fiel mover um milímetro. Ainda conseguiu exposição na emissora concorrente, praticamente no mesmo horário.

Sérgio de Deus, Editor de República

Líder com folga nas pesquisas de intenção de voto a três dias da eleição, Jair Bolsonaro não precisava estar no debate da Globo. O veto dos médicos à sua participação na sabatina acabou sendo providencial. O candidato conseguiu a “desculpa perfeita” para faltar. Com isso, escapou do confronto direto com seus adversários, poupando energia para um eventual segundo turno, quando a disputa promete ser mais acirrada. Foi atacado, sim, mas nada que abale a posição favorável em que se encontra. Acabou ganhando o debate Globo mesmo estando ausente. E ainda ganhou visibilidade aparecendo em entrevista na Record no mesmo horário da sabatina.

Renan Barsosa, Editor de Ethos

Perdeu Fernando Haddad. Não perdeu nenhum voto no debate, porque não cometeu nenhum erro grave e, por isso, continue no páreo para o segundo turno com Bolsonaro. No entanto, as pesquisas de intenção de voto recentes mostram que Haddad está estagnado – talvez porque o processo de transferência de votos de Lula tenha se encerrado. Com isso, já deveria estar tentando sair do piso de votos do PT, mas nada no discurso apresentado no debate de hoje indica isso.

Giorgio Dal Molin, Editor de República

Ciro estava um pouco mais aceso do que em outros debates. Aproveitou para dizer que foi ao Debate do SBT (dia 26 de setembro) com uma sonda, após fazer uma cauterização de urgência na próstata. Não dá exatamente para dizer que ganhou o debate, mas entre aqueles da Chapa Alcinira (Alckmin, Ciro e Marina), foi o que se saiu melhor. Marina não costuma ir mal em debates, mas dessa vez não foi além do que já disse em outras participações. E Jair Bolsonaro também: não apareceu, não perdeu votos, deu entrevista para a Record e não precisou de direito de resposta.

QUEM PERDEU

Madeleine Lascko, Editora do Blog A Protagonista

O perdedor – o único – foi Álvaro Dias, numa performance tio em final de formatura. Ninguém entendeu direito, todo mundo riu – até o Bonner – e parou no momento em que bateu de frente com um petista. Deu impressão de que jogou a toalha.

Flávia Pierry, correspondente em Brasília

Haddad: Ficou apagado, se perdeu em números e questões técnicas, não pareceu simpático, quase não sorriu. E o pior: não cedeu em um milímetro para assumir qualquer erro do PT, nem mesmo quando Marina Silva questionou-o sobre o tema. Para quem está em segundo lugar nas pesquisas, Haddad mostra que precisa aprimorar muito seu discurso – e pode não ter mais tempo

Fernando Martins, do Blog A Protagonista

Alvaro Dias passou dos limites esta noite. Totalmente fora do contexto e atrapalhado, parece ter se preocupado mais em ser descolado e engraçado que eficiente. Outro que parece ter vindo ao Rio de Janeiro pelo turismo foi Geraldo Alckmin. Ele tem ‘desaparecido’ desde o debate na RecordTV. Ele até começou bem, mas derreteu.

Sérgio de Deus, Editor de República

Afinal, que bicho mordeu Alvaro Dias (Podemos)? Atrapalhado, reativo, perdido em alguns momentos, ele virou piada no principal debate da televisão aberta, arrancando risos de todos – de Bonner aos telespectadores. Passou a imagem de “jogou a toalha” e queria apenas “aparecer”. Logo de cara, tentou culpar a Globo, mesmo que indiretamente, pelo mau desempenho nas pesquisas de intenção de voto (ele não foi convidado para entrevista na bancada do Jornal Nacional). A culpa não é da emissora. A tentativa de se vender como o candidato da indignação contra os escândalos de corrupção, convenhamos, não colou. Deixou o programa mais leve com suas intervenções erráticas. Mas, com certeza, não era esse o desempenho que sua equipe e eleitores esperavam. Ao fim do programa, a piada era uma só: Alvaro foi o Cabo Daciolo do debate da Globo.

Renan Barsosa, Editor de Ethos

Perdeu Fernando Haddad. Não perdeu nenhum voto no debate, porque não cometeu nenhum erro grave e, por isso, continue no páreo para o segundo turno com Bolsonaro. No entanto, as pesquisas de intenção de voto recentes mostram que Haddad está estagnado – talvez porque o processo de transferência de votos de Lula tenha se encerrado. Com isso, já deveria estar tentando sair do piso de votos do PT, mas nada no discurso apresentado no debate de hoje indica isso.

Giorgio Dal Molin, Editor de República

Os dois mais à esquerda e Alvaro Dias. Haddad fez esperadas dobradinhas com Guilherme Boulos, mas não bateu no peito nem chamou outros para o confronto. Permanece aquele jeitão morno, mais preocupado em não perder votos do que ganhar. O máximo que fez foi ficar nervoso com Alvaro Dias, ao dizer que o candidato do Podemos não tem respeito e brinca com coisa séria. Aliás, Alvaro Dias fez muitas vezes palhaçadas, tomando frente à ausência de Cabo Daciolo, excluído do debate. Boulos, ao final, perdeu a chance de ficar quieto atacando a produção agrícola brasileira, falando que é o Brasil que carrega o agronegócio nas costas, e não o contrário.

Prefeitos do Sertão Maranhense reforçam apoio a Márcio Jerry durante agenda de campanha na região

Na reta final da campanha, o candidato a deputado federal, Márcio Jerry, visitou os municípios de São João dos Patos, Paraibano, Colinas e Governador Luiz Rocha. Em carreatas, caminhadas e reuniões com a população, o ex-secretário de comunicação e assuntos políticos do governador Flávio Dino apresentou mais uma vez a sua candidatura e teve reforçado o apoio das lideranças locais – em especial, de diversos prefeitos.

Em São João dos Patos e Paraibano, Márcio Jerry acompanhou a caravana liderada pelo governador Flávio Dino, que realizou carreatas nos dois municípios. A prefeita de São João dos Patos, Gilvana Evangelista, destacou a importância da eleição de Flávio Dino e Márcio Jerry.

“Estou muito orgulhosa do nosso governador, que é considerado hoje o melhor do Brasil. São João dos Patos recebeu muitos benefícios do governo do estado nos últimos anos, e vários foram conseguidos com o apoio do Márcio Jerry. Por isso, defendo que é importante tanto reeleger tanto Flávio Dino como eleger Márcio Jerry deputado federal”, frisou a prefeita.

Patrulha Agrícola, delegacia, restaurante popular, uma unidade vocacional do Instituto de Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema) e uma unidade do Viva/Procon, além de obras do programa Mais Asfalto, são alguns dos serviços recebidos pelo município no atual governo. Em São João dos Patos, a atividade contou ainda com a presença do candidato ao Senado, Weverton Rocha, e da prefeita de Nova Iorque, Mayra Guimarães, que também apoia a candidatura de Márcio Jerry.

BANDEIRAS

Márcio Jerry enumerou as principais bandeiras que o seu mandato terá na Câmara Federal. “Tive a honra de ser secretário do governador Flávio Dino e, nesse período, pude contribuir na concepção de muitas ações importantes do governo e atender a muitos municípios. Como deputado federal, quero fazer ainda mais: continuar ajudando o governador a colocar o Maranhão no rumo certo, ajudar as cidades maranhenses a continuar se desenvolvendo e fazer do meu mandato mais uma etapa da militância de uma vida inteira”, afirmou.

O prefeito de Paraibano, Zé Helio, também reforçou o apoio. “As ações do governo do estado aqui no município tiveram todas o apoio do Márcio Jerry. Ele é o melhor candidato, por isso todo o nosso grupo político está fechado com ele”, garantiu.

A prefeita Valmira Miranda, de Colinas, terra Natal de Márcio Jerry, também reforçou o pedido de apoio e votos. Em vídeo veiculado nas redes sociais esta semana, a prefeita mandou um recado aos colinenses. “Vamos reforçar ainda mais o nosso empenho, explicando para os nossos amigos a importância dessa eleição. Foram muitas as obras nesse período e mais ainda estão por vir, por isso é importante reeleger o Flávio Dino e eleger o Márcio Jerry, um candidato a deputado federal que é da nossa terra”, pediu a prefeita.

Weverton aparece em 1º na pesquisa do Ibope

A Pesquisa do Ibope divulgada nesta quinta-feira (4) pelo sistema mirante aponta que os candidatos aos Senado Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama do PPS venceriam as eleições.

Veja o levantamento:

  • Weverton Rocha (PDT): 35%
  • Eliziane Gama (PPS): 34%
  • Sarney Filho (PV): 25%
  • Edison Lobão (MDB): 23%
  • Zé Reinaldo (PSDB): 10%
  • Alexandre Almeida (PSDB): 5%
  • Saulo Pinto (PSOL): 4%
  • Samuel de Itapecuru (PSL): 3%
  • Preta Lú (PSTU): 2%
  • Saulo Arcangeli (PSTU): 2%
  • Iêgo Bruno (PCB): 1%
  • Branco/Nulo – Vaga 1: 12%
  • Branco/Nulo – Vaga 2: 20%
  • Não sabem: 24%

Sobre a pesquisa

  • Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 1.008 eleitores
  • Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de outubro
  • Registro no TRE: MA-07570/2018
  • Registro no TSE: BR-03151/2018
  • Contratante da pesquisa: TV Mirante
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
  • 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Exército começa a enviar tropas para segurança no interior durante as eleições

As tropas do Exército, que atuarão na segurança das eleições deste domingo (07), começam a seguir viagem amanhã, sexta-feira (05). Na manhã desta quinta-feira (04) foi realizado o apronto operacional das tropas que vão para o interior do Estado, é uma espécie de treinamento para que não ocorram erros ou surpresas. 72 dos 217 municípios do Maranhão vão receber o reforço da segurança.

Ao todo, 1.500 soldados, inclusive de tropas do Amapá e Pará, os quais foram enviados para reforço, estarão à disposição no Maranhão. Em São Luís e Região Metropolitana, aproximadamente 160 oficiais atuarão no pleito, atendendo solicitação da Justiça Eleitoral.

De acordo com o coronel Marcos Vinícius, comandante do 24° Batalhão de Infantaria Selva (BIS), a cidade de São José de Ribamar, na Região Metropolitana, 40 soldados serão escalados.
“Os soldados vão atuar caso houver crimes eleitorais, mediante petição da Justiça Eleitoral. Nesses casos, as forças federais vão atuar como polícia. A finalidade é garantir a tranquilidade da votação e da apuração, no final da tarde, adentrando a noite. Aqui em São Luís e Grande Ilha, 160 soldados estão a disposição. 120 vão ficar na capital, 40 vão para São José de Ribamar. Além disso, ficarão homens na reserva, para qualquer eventualidade”, explicou o comandante do 24° BIS.

Números

72 municípios terão tropas do Exército atuando durante as eleições

1.500 soldados, inclusive oriundos de tropas do Amapá e Pará, estarão a disposição no Maranhão

160 homens do Exército atuarão na Região Metropolitana de Região Metropolitana

Fonte: brasil.gov.br

A três dias das eleições pesquisa aponta: Flávio Dino, Weverton e Eliziane sobem e vencem no domingo

A nova pesquisa Data M publicada nesta quinta-feira (04) no Jornal Pequeno mostra que o candidato ao governo Flávio Dino  (PCdoB) e os postulantes ao Senado Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS) subiram nas intenções de votos e serão eleitos no próximo domingo (07).

O levantamento foi encomendado pelo Sindicato das Indústrias de Construção Civil do Maranhão (Sinduscon).

A pesquisa mostra que Flávio subiu de 59,5% para 62% dos votos válidos.

O número é mais que o dobro do conseguido por Roseana Sarney, com 30,5%. Maura Jorge tem 5,6%, seguida por Roberto Rocha (1,5%), Ramon Zapata (0,3%) e Odívio Neto (0,1%).

A Data M mostra também a expectativa para o Senado,  os dois candidatos de Flávio Dino ao Senado lideram com boa vantagem. Neste ano, os eleitores votam em dois senadores.

Weverton Rocha subiu 6,3 pontos e chegou a 36,2% das intenções de votos totais. Eliziane cresceu 5,2 pontos e agora tem 34,6%.

Atrás, aparecem Edison Lobão (22,8%), Sarney Filho (20,9%), Zé Reinaldo (7,2%), Alexandre Almeida (6,6%), Preta Lú (1,7%), Samuel Campelo (1,5%), Saulo Pinto (0,9%), Saulo Arcangeli (0,6%) e Iêgo Bruno (0,1%).

Brancos e nulos são 28,7%. Indecisos ou não sabem são 38%. A soma total dá 200% porque neste ano os eleitores votam em dois senadores.

A pesquisa foi feita entre domingo (30) e quarta-feira (3), com 1.500 pessoas em todas as regiões do Maranhão. A margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos. O registro da pesquisa é MA-08386/2018.