Maranhense Pabllo Vittar se manifesta contra “cura gay”

Artistas e personalidades brasileiras se manifestaram em redes sociais contra o que a justiça classificou como cura do homossexualismo. A Justiça Federal do Distrito Federal permitiu, nesta segunda-feira (18), que psicólogos possam tratar homossexuais como doentes e possam fazer terapias sem sofrer nenhum tipo de censura do Conselho Federal de Psicologia (CFP).

O cantor maranhense, Pablo Vittar, foi um dos que se manifestou contra a decisão da justiça.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *