Lula ganha fôlego e defende-se em rede social

O ex-presidente e pré-candidato à presidência, Luís Inácio Lula da Silva (PT), manifestou-se hoje em rede social sobre a decisão de ontem (22) do Supremo Tribunal Federal.

“Há um conluio sim de uma parte do MPF e de uma parte da PF com o Moro. Tudo isso pra me impedir de ser candidato. Parem de se proteger na toga, e vão disputar eleição!”, desabafou Lula.

Os ministros do Supremo Tribunal Federal decidiram ontem adiar para o próximo dia 4 de abril a conclusão do julgamento do habeas corpus preventivo de Luiz Inácio Lula da Silva. Foi aceito também um pedido de liminar da defesa com o objetivo de evitar a prisão do ex-presidente na segunda-feira.

Com o placar de 7 a 4, os ministros admitiram julgar o habeas corpus, mas por conta do horário, eles passaram a votar se iriam suspender ou continuar. Em nova votação, os ministros aprovaram a liminar por 6 votos a 5.

O objetivo do habeas corpus que está sendo julgado no STF é derrubar decisão de janeiro do ministro Humberto Martins, vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça, que negou um primeiro pedido para evitar a prisão de Lula.

Na próxima segunda-feira (26), o TRF-4 (Tribunal Regional Federal da Quarta Região) julga o último recurso do ex-presidente após a condenação de 12 anos e 1 mês de prisão pelo caso do triplex do Guarujá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *