Veja o vídeo: José Reinaldo revela em entrevista negociação com Geraldo Alckmin e como anda suas relações com Roberto Rocha, José Sarney e Flávio Dino

O pré-candidato ao senado e deputado federal José Reinaldo Tavares (PSDB) concedeu uma entrevista em que falou como foram as tratativas com o presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) para seu ingresso ao partido tucano. “O acordo que eu fiz com Alckmin não é tirar o Roberto Rocha. Roberto é o candidato do partido. (…) A proposta de dois palanques para o Alckmin está mantida, depende só da candidatura de Eduardo Braide”, disse Tavares.

O ex-governador rompeu com Flávio Dino (PCdoB) depois da incerteza de Tavares disputar vaga no Senado pelo grupo governista. Tavares trocou de grupo e ainda costurou sua ida ao PSDB não pelo presidente estadual Roberto Rocha, mas sim, via nacional, com o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, uma articulação feita de cima para baixo. José Reinaldo falou como anda sua relação com Rocha, lembrando que os dois já tiveram desavenças políticas.

José Reinaldo também falou do seu rompimento com Dino e desabafou: “Não definia a chapa dele e dizia que que quem definiria eram os partidos, eu não sou mais criança para estar num jogo deste. (…) [Flávio Dino]é esforçado, tem feito muita coisa (…) ele acha que tem solução mágica para o nosso estado e aí eu perdi a confiança e houve o rompimento”.

O pré-candidato ao Senado revelou que é amigo e tem respeito pelo ex-presidente José Sarney e pelo grupo de Roseana, mas garantiu que não volta mais a fazer parte, nem faria alianças. “Não quero voltar ao grupo Sarney, nem ter relação”, ressaltou Tavares.

Ao final da entrevista, Tavares fez uma avaliação do atual cenário político maranhense e disse que o “clima atual é muito ruim, um clima de ‘nós contra eles’. Não há diálogo”. E afirmou que os grupos antagonistas deveriam se unir para realmente, na prática, acabar com os problemas que persistem no Maranhão, como o combate à pobreza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *