Flávio Dino reprova agenda econômica de Bolsonaro: destruição de instrumentos fundamentais

Em entrevista ao portal UOL nesta terça-feira, o governador Flávio Dino reprovou a agenda econômica que está sendo anunciada pelo candidato a presidência Jair Bolsonaro. Para o governador do Maranhão, a agenda econômica que ele apresenta é de destruição de instrumentos fundamentais para o desenvolvimento brasileiro.

“Por exemplo: a Petrobras, os bancos públicos; ele fala de privatizações, de fechamento de órgãos públicos. Para o Nordeste é muito ruim não ter o Banco do Nordeste, por exemplo. É um retrocesso gigantesco, diria de décadas”, pontuou Dino.

Ainda de acordo com o governador do Maranhão, essa agenda de menos serviço, de menos estado, de privatizações, fechamento de empresas pública é contrária ao Brasil e contra o desenvolvimento.

“Ela atrapalha quem mais precisa. Para o desenvolvimento regional é uma tragédia”, disse, lamentando sobre a situação do Nordeste em um eventual governo de Bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *