Vereadores de São Luís debatem sobre faltosos na Câmara e cobram punições

A sessão desta quarta-feira (20) foi marcada pela ausência de muitos parlamentares. Faltou quórum, quando o mínimo necessário, segundo o Regimento Interno da Câmara de São Luís, é de 31 vereadores.

Nesta quarta, apenas 16 parlamentares estiveram na sessão, ou seja, metade não compareceu. A defesa de alguns vereadores é que o Regimento seja cumprido, pois existe uma lei na Câmara de autoria do ex-vereador Pinto da Itamaraty, em que trata sobre as faltas de vereadores, aquele que não for para a sessão e que não justificar sua ausência terá a falta descontada do seu salário

O vereador Marquinhos cobrou o cumprimento do regimento. “A Câmara tem que começar a descontar o salário dos vereadores que não vão para sessão e que não dão satisfação ou justificativa para a Mesa Diretora”

Para o parlamentar, a regra deve ser respeitada, assim como o trabalhador também é cobrado por suas faltas. “Um trabalhador quando não vai para o serviço, pega falta. Se ele não levar uma justificativa é descontado do salário dele, e porque na Câmara Municipal os Vereadores não levam à sério isso? Ou a Câmara pune os vereadores faltosos ou vou continuar cobrando providências”, conclui o vereador Marquinhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *