Flávio Dino suspende funcionamento de bares e restaurantes

Em coletiva virtual à imprensa nesta sexta-feira (12), o governador Flávio Dino prorrogou o decreto anterior e anunciou novas medidas restritivas que vão vigorar no Maranhão, como a suspensão de bares e restaurantes, além de tratar sobre a compra e vacinas pelos governadores.

Os bares e restaurantes vão ser suspensos entre os dias 15 e 21 de março. O governador anunciou o auxílio emergencial em parcela única de R$ 1.000,00 e R$ 600,00 de auxílio emergencial aos artistas.

O governador anunciou que além do hospital de campanha de Imperatriz, outro hospital no mesmo formato irá ser aberto em outra cidade do Maranhão. Há um estudo técnico para verificar qual município vai receber a unidade que vai ser aberta nos próximos 15 dias.

Sobre a aplicação de vacinas pelos municípios, o governador destacou que vai aumentar a porcentagem para que as cidades tenham acesso aos imunizantes. “Nós já recebemos 515 mil doses de vacinas, já distribuímos 338 mil doses de vacinas” afirmou o governador que ressaltou que dos 217 municípios, 212 cidades alcançaram os 60% de aplicação das vacinação, cinco municípios não atingiram a meta. O governo tem oferecido ajuda e orientação, mas devido estas dificuldades, o governador anunciou que a média a partir de agora será de 70% para que as prefeituras recebam novos lotes de imunizantes.

O Maranhão segue entre os estados com alta na tendência de casos, com uma faixa de contaminação de 1,15. A taxa de ocupação 79,63 de leitos de UTI e 66% de leitos clínicos.

Sobre a compra de vacinas, “a lei diz: a prioridade é o governo federal” disse Flávio Dino, por isso, afirmou que o acordo entre os governadores do Consórcio Nordeste será o de aguardar uma movimentação nesta sexta do governo federal. “Além das suas vacinas que circulam hoje no Brasil, a Coronavc e a AstraZenica, nós teremos a vacina Sputnik sob o comando do Ministério da Saúde. Nós não queremos um salve-se quem puder, nós queremos um plano nacional” disse o governador do Maranhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *