Eleições 2022: 14 secretários estaduais devem deixar cargo para disputa eleitoral

Um total de 14 secretários do governo Flávio Dino são pré-candidatos a deputado estadual ou federal em 2022. O número é maior do que os que encararam a disputa em 2018. A maioria deve concorrer a uma das 42 vagas na Assembleia Legislativa.

Na lista, Carlos Lula (Saúde), Rodrigo Lago (Agricultura Familiar), Catulé Júnior (Turismo), Rogério Cafeteira (Esporte), Francisco Gonçalves (Direitos Humanos), Jowberth Alves (Trabalho e Economia Solidária) e Júlio Mendonça (Agência de Pesquisa Agropecuária).

Dos que devem disputar uma das 18 vagas na Câmara dos Deputados estão Felipe Camarão (Educação), Márcio Jerry (Cidades), Rubens Pereira Júnior (Articulação Política), Clayton Noleto (Obras), Marcio Honaiser (Desenvolvimento Social), Jefferson Portela (Segurança Pública) e Simplício Araújo (Indústria e Comércio).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *