Em São José de Ribamar prefeito é criticado por entregar merenda escolar de qualidade oriundas da agricultura famíliar

A oposição da atual gestão da prefeitura de São José de Ribamar, passou dos

limites ao criticar e desvalorizar a agricultura familiar que é a principal responsável pela produção dos alimentos que são disponibilizados para o consumo da população brasileira.

Ao garantir segurança alimentar aos alunos da rede, adqurindo, frutas, verduras, legumes e proteína(frango e peixe) do pequeno agricultor Ribamaranese,por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), Julinho foi criticado, por opositores que definem a agricultura famíliar como “MATO”, refeição inútil.

A prefeitura de São José de Ribamar entregou, nesta quarta-feira (21), mais de 400 kits de merenda escolar para alunos da zona rural do município. A entrega aconteceu na Escola Municipal Bernardo Sérgio da Cunha, localizada no bairro Bom Jardim.

Os itens dos kits são produzidos pela agricultura familiar local. Nesta primeira etapa, os alunos receberam frangos, peixes, frutas, legumes e verduras, além de farinha produzida na região.

A entrega é feita por meio de uma parceria da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semagri) com a Secretaria Municipal de Educação (Semed). Além dos kits, os alunos também irão receber um cartão no valor de R$ 50,00 para comprar merenda escolar nos estabelecimentos locais.

“Para comprar a merenda escolar, o Governo Federal dá R$ 16,00 por aluno. A gestão municipal aumentou esse valor em 200%, e cada aluno deve receber R$ 50,00 por mês. Este projeto já foi aprovado pela Câmara Municipal e em breve os país estarão com estes cartões. Essa medida vai durar até as aulas retornarem à normalidade”, disse Dr. Julinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *