MP fecha abatedouros clandestinos no Maranhão

Dois abatedouros de bovinos, que funcionavam de forma inadequada, sem estrutura e sem quaisquer condições sanitárias foram interditados, no município de Buriticupu. Um outro estabelecimento, que estava em construção, também foi fechado.

Os fiscais visitaram cinco pontos de abate, sendo três destinados ao abate de bovinos e dois ao abate de aves. Emitiram notificações e deram prazo de 30 dias para readequações.

A ação é parceria da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), Ministério Público e Polícia Militar. O Ministério Público averiguou pontos de ocorrências de abate clandestino, tomou providências cabíveis após vistoria desses locais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.