Sevidores da Fazenda no Maranhão são alvos de operação do Gaeco

O Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) realiza, nesta quinta-feira (4), operação que investiga servidores da Fazenda Estadual em São Luís e Imperatriz.

De acordo com as investigações, cartórios e Fazenda Estadual realizavam avaliações de imóveis muito abaixo do valor de mercado, causando prejuízo à arrecadação tributária do Maranhão. O Gaeco constatou que servidores solicitavam pagamento para o ato. Com a subavaliação, o imposto pago era menor, configurando fraude ao Fisco Estadual.

Sonegação fiscal, falsidade ideológica, peculato, corrupção passiva, concussão e lavagem de dinheiro são os crimes atribuídos pelo Gaeco A justiça autorizou o sequestro e a indisponibilidade dos bens, assim como o afastamento dos servidores pelo prazo de 90 dias ou até o fim das investigações.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.