Rede hospitalar privada lota com casos de gripe

Os hospitais da rede particular de São Luís estão lotados por conta do aumento dos casos de gripe e também, da Covid-19. Devido ao avanço das síndromes gripais, as unidades têm ficado com lotação muito acima da capacidade, o que se torna um risco de infecção e ainda, causa aglomerações. O resultado é de pacientes reclamando e atendimentos que não suportam a demanda.

No hospital São Domingos, o tempo de espera passa das quatro horas e algumas pessoas têm saído sem conseguir resolver seu problema. Em um post, na rede social da unidade, paciente deixou a insatisfação registrada pela demora no atendimento. “Situação degradante que eu passei ontem, nunca esquecerei. Eu passando mal na cadeira por horas, quase desmaiando. Falta de respeito”, diz.

O hospital alertou para a alta demanda de atendimentos e o consequente aumento do tempo de espera. Os problemas foram atribuídos às “mudanças climáticas e início das chuvas em nossa cidade, além de outros fatores, têm aumentado o número de atendimentos a pessoas com doenças respiratórias na Emergência, de modo que estamos com o volume de atendimento superior ao habitual. Diante desse cenário, o tempo de espera para o atendimento na Emergência de sintomas gripais do Hospital São Domingos tem se estendido”, diz a postagem.

Mais reclamação no atendimento do hospital Centro Médico. Paciente fala de tratamento de enfermeira, denuncia a falta de organização e médicos. A unidade não se pronunciou sobre o relato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.