Reaberta fábrica da Alumar em São Luís

A Alumar já está em funcionamento na capital. A empresa reiniciou sua atividades com reabertura da fábrica de produção de alumínio, na quinta-feira (29). Para este reinício, foram realizados investimentos de R$ 957 milhões e a recontratação de 416 profissionais. Foram sete anos de atividades interrompidas.

Serão produzidas 828 toneladas de alumínio, com a energização de 68 cubas, que corresponde a 34% da capacidade de produção da fábrica, nesta primeira fase. A expectativa é que até 2023 as operações devem ser retomadas em 100%.

Inaugurado em julho de 1984, o Consórcio de Alumínio do Maranhão S/A é um dos maiores complexos industriais deste tipo de produto em todo o mundo. Segundo a empresa, 90% dos colaboradores são maranhenses.

Alumar retoma atividades

A mineradora Alumar anunciou o retorno das atividades, com a reinauguração da fábrica de produção de alumínio. A informação foi dada durante evento, realizado nesta quarta-feira (27), no Hotel Luzeiros. O momento contou com presença da  imprensa e executivos da empresa.

A programação teve como pauta principal a retomada das atividades da produção de alumínio e visitação à planta da fábrica.

O retorno da produção da Alumar suscita indagações que referem às compensações em impostos, a geração de emprego com possibilidades de contratação de profissionais maranhenses e a questões ambientais, a exemplo de monitoramento da poluição na ilha de São Luís, por conta da atividade.

Presentes ao evento, o presidente da Alcoa, Otávio Carvalheira, do diretor da Alumar, Helder Teixeira,  do gerente de Redução, Helder Teixeira, e da gerente de Relações Institucionais & Security, Dulcimar Soares.