Evento marcado para quinta-feira (17), em São Luís, vai oficializar o apoio do Progressistas à pré-candidatura do vice-governador Carlos Brandão ao Governo, nestas eleições. O momento também marcará o desembarque do deputado federal e presidente da legenda no Maranhão, André Fufuca, no projeto de Brandão.

André Fuufca trará com ele pelo menos mais 10 prefeitos, que deixam o lado adversário e se aliam para a agenda eleitoral de Carlos Brandão.

O Progressistas é a terceira maior legenda do país e vai somar um tempo de tv considerável para o vice-governador, durante o período eleitoral.

O encontro para o ato de apoio será na Villa Reale Buffet, Avenida dos Holandeses, Calhau, a partir das 18 horas.

Liderando PP, André Fufuca se fortalece na Câmara Federal

Escolha aclamada, o deputado federal maranhense, André Fufuca, terá um novo rumo e ganha força na Câmara Federal, com a liderança do Partido Progressistas (PP). Ele integra um grupo de jovens políticos, que, passo a passo, vão conquistando espaço, influência e poder de voz.

Fufuca já contabiliza uma vasta caminhada na política, já tendo sido presidente da Câmara Federal, atual vice-presidente do PP e agora, nesta eleição de quarta-feira, no exercício da presidência da legenda progressista. Ele assume em lugar do senador Ciro Nogueira (PI), que agora comanda a Casa Civil do governo Jair Bolsonaro (PL).

De movimento intenso na Câmara, Fufuca tem a característica de se mostrar e dizer a que veio. Ele assume a presidência da casa em meio à crise e na vice-presidência nacional do PP, se tornou um importante partidário no Congresso Nacional.

O PP tem a terceira maior bancada na Câmara Federal – 44 deputados – e essa passagem, vai garantir que Fufuca almeje rumos maiores para próximas eleições.

Outro jovem parlamentar do Maranhão, o deputado federal Juscelino Filho (DEM), está de olho na presidência do União Brasil no estado, legenda formada pela junção do DEM e PSL. E já declarou que o novo partido apoiará o senador Weverton Rocha (PDT), para o governo, nestas eleições; e ao Senado, votará com o governador Flávio Dino (PSB).