Vereadores são presos durante processo eleitoral

O comitê de segurança do Tribunal Regional Eleitoral passou boa parte da tarde deste domingo (07) em reunião à portas fechadas e concentrando as informações.

Hoje três vereadores foram presos acusados de envolvimento em crime eleitoral, um em São Luís, Graça Aranha e Olinda Nova.

Após denúncia anônima, o vereador da capital maranhense e candidato a deputado estadual, Genival Alves foi preso em flagrante comprando votos, no Tibiri, zona rural de São Luís. O vereador foi conduzido para a superintendência de policia federal, localizado no bairro da Cohama, onde será autuado em flagrante por compra de votos. Com ele foram apreendidos santinhos e R$ 8 mil.

O vereador de Graça Aranha Ruzevel Oliveira dos Santos (PP), de 36 anos, foi preso também pela manhã pela Polícia Civil com R$ 14.200.

O outro vereador preso foi na cidade de Olinda Nova, mas o nome não foi informado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *