Governador licenciado Carlos Brandão diz que participa da gestão estadual, mesmo em recuperação

“Estou muito bem, me recuperando. Passo o dia inteiro trabalhando, acompanhando todas as ações do governo e dialogando com os secretários. Tenho uma boa relação com o governador em exercício, o desembargador Paulo Velten e todos os dias conversamos. Ele é muito decente, muito correto e temos feito essa parceria na gestão estadual”, pontuou o governador licenciado Carlos Brandão (PSB), em entrevista concedida ao Brasil Urgente, na Band Maranhão, nesta quarta-feira (22). O governador atualizou seu estado de saúde e pontuou que a gestão não pode parar.

Sobre as obras que vêm sendo entregues pelo Governo em todo o Maranhão, ele ressaltou que são ações que estavam em andamento e que precisam ser concretizadas. “São mais de 400 obras que estão sendo entregues ao longo das semanas. As inaugurações estão acontecendo e daqui, sempre conversa e mantenho o contato com os nossos secretários e com os prefeitos, pois, esses benefícios não podem esperar, a população precisa. Além disso, temos um prazo legal para inaugurar e vamos inaugurar”, disse.

Brandão teceu críticas às várias fake news sobre sua saúde. “Já disseram que eu estava entubado, na UTI e até fazendo plástica. São muitas fake news e por isso, fiz questão de conceder entrevistas para deixar claro a nossa situação de saúde”, explicou. Disse ainda que espera retornar ao Maranhão na próxima semana, mas, que a decisão caberá aos médicos.

O governador lembrou situação semelhante a da então governadora Roseana Sarney, quando no comando do Governo do Estado, ao adoecer, ela precisou se afastar para tratamento sendo substituída pelo período de seis meses na gestão estadual.

Carlos Brandão se recupera no Hospital Beneficência de São Paulo, após realização de cirurgia para retirada de um cisto no rim.

Secretaria de Estado da Saúde descarta caso suspeito da varíola do macaco

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) descartou um caso que vinha sendo analisado como suspeito da varíola do macaco. A informação foi dada nesta em nota divulgada nesta sexta-feira (17). A SES recebeu do Ministério da Saúde o comunicado de resultado negativo, após exame feito pela Fundação Ezequiel Dias, em Minas Gerais.

O caso suspeito era de um homem de 30 anos que foi atendido em uma unidade da rede pública municipal com sintomas semelhantes ao da varíola do macaco. O paciente vai permanecer em isolamento domiciliar, onde aguarda diagnóstico do seu quadro infeccioso.

Com este caso descartado, o Maranhão segue sem nenhum registro da doença.

Íntegra da nota

“A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que foi descartado o caso suspeito de Monkeypox do paciente de São Luis. O comunicado foi feito pelo Ministério da Saúde, na manhã desta sexta-feira (17), após resultado negativo do exame laboratorial analisado pela Fundação Ezequiel Dias, em Minas Gerais.

O paciente segue em isolamento domiciliar aguardando diagnóstico para o quadro infeccioso. O quadro clínico do paciente é estável.

Com o resultado negativo, a SES ressalta que o Maranhão permanece sem casos da Monkeypox, até o momento. Reforça ainda, que viajantes recém-chegados de localidades onde há casos positivos redobrem os cuidados e mediante o aparecimento de sinais ou sintomas suspeitos, busquem imediatamente atendimento médico em uma unidade de saúde para diagnóstico.”

Governo do Estado vai antecipar 13º salário a servidores

O governador do Maranhão Carlos Brandão (PSB), afastado para tratamento de saúde, comunicou que vai antecipar o pagamento de 50% do 13º salário dos servidores estaduais.

A nova data prevista para o pagamento parcial do benefício será na quarta-feira (15).

O comunicado foi feito através das redes sociais do governador, que se recupera de um procedimento cirúrgico.

Casos suspeitos de varíola do macaco serão analisados nas UPAs

Casos suspeitos da varíola do macaco serão analisado nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). A unidade referência para tratamento será o Hospital da Ilha. As informações são Secretaria de Estado da Saúde (SES). Já no interior do Estado, as referências da rede estadual também serão as UPAs, onde os pacientes suspeitos ficarão nos leitos de isolamento.

O Laboratório Central de Saúde Pública do Maranhão (Lacen) fará os exames para excluir outras patologias, como arboviroses e sífilis. Após essa exclusão, as amostras são encaminhadas para a unidade de referência nacional que, para o Maranhão, é a Fundação Ezequiel Dias (Funed), em Minas Gerais, que vai analisar as amostras para a Monkeypox.

Os principais sintomas da doença são início súbito de febre, erupção cutânea aguda inexplicável, dor nas costas, fraqueza ou fadiga física e dor de cabeça.

A SES alerta que, para não confundir com outras doenças, devem ser excluídas as suspeitas para varicela, herpes zoster, sarampo, zika, dengue, chinkungunya, herpes simples, infecções bacterianas da pele, infecção gonocócica disseminada, sífilis primária ou secundária, cancróide, linfogranuloma venéreo, granuloma inguinal, molusco contagioso (poxvírus) e reação alérgica.

Análise

A SES informou que está sendo investigando um caso suspeito de varíola dos macacos na capital, de um homem de 30 anos, sem histórico de viagens, que chegou na Unidade Mista do Bacangaapresentado sintomas como febre, calafrios, lesões com coceiras e ardor nos olhos. O caso segue sendo monitorado.

Esse é o segundo caso suspeito de varíola dos macacos (Monkeypox) investigado em São Luís. O primeiro caso foi de uma criança de cinco anos. Após uma avaliação de diagnóstico, realizada pelo Ministério da Saúde (MS), por meio do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs), o caso foi descartado.

 

Governador Carlos Brandão comunica nova licença

O governador do Estado, Carlos Brandão (PSB), enviou um novo comunicado à Assembleia Legislativa comunicando que ficará mais 10 dias afastado do cargo. O motivo é a continuidade do tratamento renal. Ele permanece no hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulos.

A licença será de 11 a 20 de junho. O ofício foi publicado no diário oficial da Casa Legislativa, nesta sexta-feira (10).

Nesse período, o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Paulo Velten, permanecerá como governador interino.

“Comunico a essa Assembleia Legislativa a necessidade de permanecer afastado do território do Estado do Maranhão, no dias 11 a 20 de junho de 2022, prazo necessário para recuperação de procedimento cirúrgico”, diz trecho do comunicado.

Com a nova licença, o governador deve ficar 33 dias fora do comando do Poder Executivo maranhense.

Governador Carlos Brandão grava vídeo falando de sua recuperação

Em vídeo divulgado nas suas redes sociais, o governador Carlos Brandão informou que se submete a fisioterapia e está em plena recuperação para voltar ao Governo o quanto antes. Na gravação, postada na noite de quinta-feira (9), ele ressaltou o alinhamento com o governador em exercício, Paulo Velten, a vontade de acompanhar as festas de São João e agradeceu às mensagens pela sua saúde.

Nas imagens, ele está nos corredores do hospital, fazendo a fisioterapia e diz que sempre se comunica com o governador em exercício e secretários. “Tenho acompanhando diariamente as atividades de governo, alinhado com o Paulo Velten e conversado com os secretário de todas as pastas. Estamos muito bem alinhados. Estou fazendo fisioterapia, me recuperando da cirurgia e em breve, estarei com a população maranhense”, disse.

Sobre o São João, frisou a vontade de estar nos festejos. “Nosso São João que gera emprego e renda e logo estarei acompanhando, junto ao povo”.

E finalizou otimista pelo breve retorno às suas atividades no Governo. “Estamos aqui, nos recuperando para chegarmos com tudo, com gosto de gás”, enfatizou.

O governador está internado, desde o dia 17 de maio, no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo, onde realizou cirurgia para retirada de um cisto no rim.

MOB emite comunicado sobre ferryboat fiscalizado pela Marinha

Não procedem notícias sobre reprovação da embarcação José Humberto pela Marinha do Brasil. O ferryboat veio do Pará para ser utilizado no serviço, na Grande Ilha e antes, precisa ser fiscalizado pela Capitania dos Portos do Maranhão. É o que informa nota da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), divulgada nesta quinta-feira (9).

A nota informa que a MOB enviou todos os documentos e procedimentos administrativos sobre a embarcação que foram solicitados pela Capitania dos Portos do Maranhão.

Comunica ainda que as pendências apontadas pelo órgão marítimo já foram sanadas.

Nota da MOB:

“A Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) informa que não procedem as informações sobre reprovação da embarcação José Humberto pela Marinha do Brasil.

Através de ofício (399/CPMA-MA de 08 de junho de 2022) enviado ao Diretor de Operações Aquaviárias da MOB, a Capitania dos Portos do Maranhão requisita “documentos e procedimentos administrativos acerca do ferryboat José Humberto”.

A MOB informa ainda que todas as pendências apontadas pelo documentos já foram sanadas e que a maioria trata de atualização da documentação, não tendo sido, em nenhum momento, apontada a restrição de navegação da referida embarcação.

A Diretoria de Operações Aquaviárias já informou à Capitania dos Portos que todas pendências foram sanadas e aguarda a vistoria final para a liberação da embarcação”.

Governador Carlos Brandão segue em recuperação após cirurgia, diz novo boletim médico

O governador Carlos Brandão (PSB) permanece em São Paulo, internado no hospital BPA Beneficência Portuguesa, se recuperando da cirurgia de retirado de um cisto do rim, realizada em maio. A unidade de saúde divulgou um novo boletim médico, nesta terça-feira (7), no qual informa “breve previsão de alta”.

Segundo o boletim médico, foi retirado um cisto identificado como Bosniak IV e que, durante “exame anátomo patológico” foi revelada uma “lesão papilifera com margens livres”, mas que não necessita de tratamento complementar de quimioterapia ou radioterapia.

O documento é assinado pelos médicos responsáveis Marcelo Sampaio (cardiologista), José Luis Chambo (cirurgião urologista) e o diretor executivo médico da unidade hospitalar, Renato Vieira.

Boletim médico:

“A BPA Beneficência Portuguesa de São Paulo informa que o governador do Maranhão, Carlos Orleans Brandão Júnior, foi submetido a um procedimento cirúrgico na unidade hospitalar BP Mirante, devido a um cisto renal nomeado Bosniak IV.

O exame anátomo patológico revelou uma lesão papilifera com margens livres, que não necessita de tratamento complementar de quimioterapia ou radioterapia. Nesse momento, o paciente encontra-se em recuperação no pós-operatório, com breve previsão de alta”.

Paulo Velten assume Governo e prega continuidade das ações

 

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Paulo Velten, concedeu entrevista nesta quarta-feira (1º), anunciando seu início de gestão à frente do Governo do Estado, durante a licença do governador Carlos Brandão (PSB). Brandão se recupera de uma cirurgia para retirada de cisto no rim e a previsão é que em 10 dias retorne ao comando estadual. Velten destacou que o momento é simbólico e que conta com a colaboração de todos para um período de governabilidade de segurança e paz.

“Vamos cumprir a agenda do Governo do Estado”, afirmou o presidente do TJMA. Ele disse que em conversa com a equipe de Governo, lhe foi apresentada a agenda, já designada e que sera cumprida. “Nossa participação aqui é sempre fincada na ideia de estabilidade e continuidade das ações que já foram repassadas pelo governador Carlos Brandão. Queremos desempenhar nosso papel da melhor forma possível, aguardando que o nosso governador retorne com saúde e com sua capacidade de trabalho plena”, ressaltou Paulo Velten.

O processo sucessório está previsto na Constituição e no período, na presidência do TJMA assumirá o vice-presidente Ricardo Duailibe. “Conversei com ele sobre a pauta que teremos, já agora pela manhã e tracei uma panorâmica das ações que estão sendo desenvolvidas no tribunal. Tenho absoluta certeza que, como cumprirei esse papel aqui de continuidade, ele fará o mesmo lá no tribunal”, frisou.

Velten pontuou ainda a missão nesse período de comando no Governo do Estado. “Esse é o nosso papel, assegurar continuidade das ações governamentais com esta representação simbólica no Governo do Estado, e aguardar a colaboração continuada de todos para que a gente possa assegurar o desenvolvimento econômico e social em um ambiente de paz, estabilidade e segurança para todo o estado do Maranhão”, afirmou.

Governador Carlos Brandão entrará de licença

O governador Carlos Brandão (PSB) completará 15 dias fora da capital, por conta da viagem a São Paulo, onde se recupera de uma cirurgia para retirada de cisto no rim. Pelo prazo, a legislação requer ou retorno ou pedido de afastamento.

Por ordens médicas, o governador ainda não pode retornar e por isso, vai pedir licença do cargo. Deve assumir a vaga temporariamente, o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Paulo Velten. A licença de Brandão será solicitada ainda esta semana e ele ficará afastado do cargo de 1º a 10 de junho. Brandão está em São Paulo desde o dia 17 de maio.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), seria o primeiro na lista a ocupar a vaga temporária, mas, por ser pré-candidato à reeleição, fica impossibilitado, ou poderia ficar inelegível, caso ocupasse o cargo.